NOTÍCIAS

28/11/2019 Notícias, arquivo de notícias

Em Sessão Ordinária, Câmara discute ativação de Conselho da Juventude e obras em São José

A Sessão Ordinária desta quarta-feira, 27, trouxe diversos assuntos à Câmara Municipal de São José. Em Tribuna, os parlamentares discutiram sobre obras, esgoto e conscientização a partir dos mais jovens.

 

A juventude ganhou espaço na fala do vereador Caê Martins (PSD) ao solicitar ao Executivo a ativação do Conselho Municipal desta área. "No calendário das conferências nacionais no Brasil está agendada para julho do ano que vem  a Conferência Nacional da Juventude. Por isso, até março de 2020 se faz necessária a realização da Conferência Municipal da Juventude. Vou pedir à Secretaria Municipal da Assistência Social que ativeo Conselho Municipal da Juventude, pois ele não está atuante. Nós estamos neste rol das dez cidades que tem previsão em lei, mas não estão em prática", citou.

 

Em seguida, os vereadores Michel Schlemper (MDB) e Edilson Vieira (PSDB) destacaram a necessidade da ligação das casas à rede de esgoto, citando o projeto Sanear, o qual fora adotado em Florianópolis. "O Executivo precisa criar um modelo parecido com esse, pois não irá fazer sentido a cidade ampliar o sistema de rede de esgoto se não houver a ligação adequada. Se continuar assim, será apenas para fins comerciais por parte da Casan", declarou Michel Schlemper, tendo fala ratificada pelo vereador Edilson Vieira ao pedir conscientização de adultos e o trabalho a ser desenvolvido a partir das escolas do município.

 

Outra solicitação ao Executivo partiu do vereador Roinoldo Neckel (DEM). O parlamentar criticou o conserto dos flutuantes do trapiche no Centro Histórico que não resistiu à força da maré. "Vou fazer o pedido para que não seja concedido nenhum aditivo em relação aos flutuantes aqui no Centro Histórico como foi feito recentemente na Ponta de Baixo num valor de cerca de R$ 200 mil", frisou.

 

Por fim, o vereador Nardi Arruda (PSD) apresentou informativo produzido por seu gabinete, com "recursos próprios", prestando contas de seu mandato à população josefense.

 

A próxima Sessão Ordinária acontece na segunda-feira, 2, a partir das 16h.