NOTÍCIAS

11/06/2019 Notícias, arquivo de notícias

Dengue, SC-281, bicicletas compartilhadas e Zona Azul em destaque na Sessão Ordinária

Na Sessão Ordinária desta segunda-feira, 10, os parlamentares josefenses mostraram-se preocupados com o avanço da dengue no estado e na cidade, com a situação da Zona Azul, mau uso dos patinetes e bicicletas compartilhados, além da falta de acostamento na SC-281.

 

As falas em Tribuna iniciaram com o vereador Jair Costa (PSD) que, novamente, alertou sobre a situação da rodovia que liga São José a São Pedro de Alcântara. "A SC-281 não tem acostamento e ainda colocaram aqueles tachões, ficando ainda pior para o pedestre. Na última semana, um motorista bateu com o retrovisor numa menina, machucando-a bastante. Só Deus para proteger aquelas crianças", frisou, tendo sua fala complementada pela vereadora Sandra Martins (PSDB). Ela destacou que, entre as contrapartidas para instalação da Central de Triagem em São José, deveria "ser construído pelo estado uma passarela, um acostamento, alguma coisa que dê segurança não só aos adultos, mas principalmente às crianças que transitam entre o Colégio Estadual Joaquim Santiago e a entrada do Hospital da Colônia Santana", disse.

 

Já a queixa da vereadora Cristina de Sousa (PRB) deu-se em relação ao uso das bicicletas e patinetes compartilhados. A parlamentar apresentou fotos dos veículos largados sobre faixas-guia e até dentro de um rio. "Acredito que não estamos preparados para ter isso porque as pessoas usam de maneira desordenada. Você coloca bicicleta e patinete para facilitar as vidas das pessoas, mas os cegos, que já têm barreiras, agora têm mais uma coisa para bater, se machucar, cair", lamentou, pedindo conscientização e educação por parte dos usuários.

 

De igual forma, o vereador Roinoldo Neckel (DEM) criticou a implantação da Zona Azul em São José, alertando pela falta de "estudos" por parte do Executivo.

 

Outro alerta partiu da vereadora Sandra Martins (PSDB). Em Tribuna, ela apresentou números dos casos de dengue na cidade e no estado. "Na semana passada, eram 85 municípios infestados e agora já são 89. Vivemos um momento endêmico no município e precisamos falar mais sobre o tema porque é preciso prevenção. Atualmente, são 1600 focos de dengue em São José", frisou.

 

A próxima Sessão Ordinária acontece na quarta-feira, 12, a partir das 16h.