NOTÍCIAS

29/11/2018 Notícias, arquivo de notícias

Câmara Municipal de São José autoriza abertura de créditos adicionais ao Executivo

Após duas votações, a Câmara de Vereadores de São José aprovou, de forma unânime, alterações na peça orçamentária do município a fim de disponibilizar recursos ao Executivo. "Em 2017, esta Casa aprovou 5% da receita corrente líquida para que a prefeitura pudesse abrir créditos adicionais ou suplementares. Com quase R$ 567 milhões de receitas, este valor ficou próximo dos R$ 28 milhões e o que se pede agora é autorização do Legislativo para atingir os 4%, ou cerca de R$ 23 milhões. A prefeitura tem o financeiro, mas não a dotação orçamentária para cumprir as despesas já comprometidas", explicou a vereadora Méri Hang (PSD).

 

A parlamentar ainda ressaltou a sobra de recursos advindos de diversas áreas, como o superávit nas contas, excesso de arrecadação, devoluções praticadas pela Câmara de Vereadores e Fundeb. "São José já tem os R$ 23 milhões de financeiro, mas não de dotação", ratificou, tendo sua fala complementada pelo presidente do Legislativo, vereador Orvino Coelho de Ávila (PSD), explicando que na sua última devolução, de R$ 8 milhões, também envolveu a parte orçamentária.

 

A tramitação célere da matéria (PL nº 158/2018) foi elogiada pelo vereador Sanderson de Jesus (MDB). "É um gesto de desprendimento, de sabedoria, pensando que a cidade é o bem maior e os vereadores prontamente por unanimidade deram seu voto. Cabe registrar que, quando a responsabilidade vem para essa Casa, nós somos grandes o suficiente para entender que o governo precisa dar os encaminhamentos nas suas contas e portanto precisa da autorização da Câmara. O governo precisa cumprir a legislação, encaminhando o projeto para cá, e esta Casa prontamente, sem debate partidário e de oposição e situação, mas acima de tudo pensando na nossa gente de São José, aprovou a matéria", salientou.

 

Nos próximos dias, a Câmara Municipal de São José começa a apreciação do orçamento para 2019.