NOTÍCIAS

28/06/2018 Notícias, arquivo de notícias

Vereadores reafirmam contrariedade à Central de Triagem em São José

Na Sessão Ordinária da última quarta-feira, 27, os parlamentares josefenses ratificaram suas posições contrárias quanto à instalação da Central de Triagem na cidade. Após decisão judicial de impedir a construção no bairro Fazenda Santo Antônio, a vereadora Sandra Martins (PSDB) declarou a contrariedade em levar o complexo prisional para o bairro Potecas.

 

"Temos que deixar claro que o que foi definido é que não vai haver a construção da Central de Triagem na Fazenda Santo Antônio. Há possibilidade de um terreno em Potecas, mas isso não quer dizer que vá acontecer. Há um terreno do município que o estado teria que comprar e quem disse que o município quer vender?", indagou a parlamentar.

 

Da mesma forma, o vereador Clonny Capistrano (PMDB), presidente da Comissão Especial para acompanhar o caso, informou que a futura venda do terreno depende de autorização da Câmara Municipal. "Uma possível negociação tem que vir para a Câmara para haver a desafetação de uma área pública, independente para qual fim será. Foi pauta de reunião no Legislativo e todos os vereadores foram unânimes contra a instalação da Central de Triagem", declarou.

 

Em maio, a Câmara Municipal de São José criou Comissão Especial para acompanhar a situação da Central de Triagem. Em junho, decisão judicial impediu a instalação na Fazenda Santo Antônio, indicando dois terrenos municipais, que precisam ser comprados pelo estado, no bairro Potecas, algo que depende de autorização do Legislativo.

 

"Vencemos a primeira batalha, pois não haverá a instalação na Fazenda Santo Antônio. Agora, vamos continuar na briga porque nós entendemos que o município de São José já tem na sua comarca o maior presídio do estado, em São Pedro de Alcântara", explicou a vereadora Sandra Martins que; ao lado dos vereadores Clonny Capistrano, Michel Schlemper, Túlio Maciel e Moacir da Silva, fazem parte da Comissão Especial.

 

A próxima Sessão Ordinária ocorre na segunda-feira, 2 de julho, às 16h.